Home / Curiosidades / Orangotango Gigante Existe? Qual A Sua Espécie?

Orangotango Gigante Existe? Qual A Sua Espécie?

Se pesquisarmos sobre o orangotango e formos o definir de maneira usual certamente a característica gigante estaria entre um dos seus requisitos. Isto quanto as três espécies de orangotangos existentes. As duas já conhecidas há muito tempo, o orangotango de Bornéu, habitante das florestas tropicais da ilha de Bornéu, na Ásia, mais especificamente na Indonésia, o orangotango de Sumatra, habitante das florestas tropicais da ilha de Sumatra, na Ásia, também na Indonésia e o orangotango descoberto como uma outra espécie recentemente, mais detalhadamente há cerca de dois anos atrás, em dois mil e dezessete, o orangotango de Tapanuli.

Orangotango Gigante
Orangotango Gigante

E Esse Tal De Orangotango Tapanuli?

Apesar de também habitar a ilha de Sumatra como o orangotango de Sumatra, há uma floresta específica, de uma outra região, onde toda a sua população é concentrada.

Estudos genéticos e morfológicos que levaram duas décadas para serem concluídos chegaram a resposta de que se trata de uma outra espécie de orangotango e não nenhuma das já existentes.

Orangotango Tapanuli
Orangotango Tapanuli

Dentre as suas diferenças, estão o seu crânio e consequentemente sua a cabeça menor, além de sua arcada dentária e seu esqueleto se distinguirem dos outros orangotangos. Quanto a suas características físicas, seus pelos são mais ondulados e quanto ao seu comportamento, o macho vocaliza para atrair a fêmea para o acasalamento e reprodução e sua alimentação é mais voltada para lagartas dentre os pequenos vertebrados que consomem e pinhas de plantas coníferas, dentre os frutos que se alimentam como onívoros que são. Características alimentares que não acontecem com as outras duas espécies, que têm a como base de sua alimentação vegetariana, cascas, folhas, frutos e sementes.

A Realidade Atual Do Orangotango

Todas as três espécies de orangotangos estão criticamente ameaçadas de extinção, começando pelo de Tapanuli, que apesar de sua espécie ter sido descoberta recentemente, também são primatas sobreviventes da ação humana na natureza e destruição de seus habitats, levando a existir somente cerca de oitocentos indivíduos desta espécie, em seguida vem o de Sumatra, com menos população que o terceiro, o Bornéu. O principal fator da sua classificação na natureza como ameaçado de extinção é ocasionado como já citado, o desmatamento dos seus habitats para construções, sejam de plantações, de habitações, ou de projetos, como barragens e hidrelétricas, o que tem sido a ameaça principal da preservação do orangotango de Tapanuli.  Justamente onde os oitocentos indivíduos da sua espécie habitam está sendo projetado construções elétricas, financiadas pela China.

Em contrapartida, infelizmente não há nenhum projeto até então para a preservação da sua espécie e barragem do projeto.

Maiores Arborícolas Existentes

Tal ação é tão ameaçadora pois os orangotangos não só são gigantes, como são os maiores arborícolas, ou seja, os maiores animais a viverem em árvores, de onde retiram o material para a construção de seus ninhos onde descansam mais confortavelmente, de onde retiram a base de sua alimentação vegetariana e onde se protegem naturalmente de seus predadores, que também estão ameaçados de extinção, afinal têm o mesmo habitat, os cães selvagens, os leopardos, os lagartos e principalmente os tigres.

Abaixo destas árvores, é solo de pântano repleto de lama, instável e raramente os orangotangos trocam as alturas das árvores por ele. Preferem sistematicamente ficar em seus ninhos construídos a base de galhos, cascas e folhas, descansando neles, escalando mais alto, pulando de uma árvore para outra, ou se pendurando com seus braços fortes e mãos firmes, de galho em galho.

O Gigantopithecus Seria O Que?

Os orangotangos são grandes, tanto que o macho de Sumatra pode medir até um metro e quarenta centímetros de altura e pesar até noventa quilos e a fêmea com o seu dimorfismo sexual, pode medir até quase um metro de altura e pesar mais de quarenta quilos, enquanto o macho de Bornéu, um pouco mais pesado, pode medir até a mesma altura do macho de Sumatra e pesar até cem quilos e a fêmea, maior que a anterior, pode medir até um metro e vinte centímetros de altura e pesar até cinquenta quilos.

Gigantopithecus
Gigantopithecus

Um outro primata que não poderíamos deixar de citar pela pergunta tema do post, que inclusive é parente dos orangotangos e que curiosamente também habitava florestas da Ásia, o que é incomum dentre os primatas, onde é comum habitarem a África, é o já extinto há mais de cem mil anos atrás, gigantopithecus, o seu nome já diz por si só, foi o maior símio existente, lembrando muito um King Kong, podendo medir a até os assustadores três metros e pesar até quinhentos quilos.

Há a teoria de que a sua extinção se deu pelo seu habitat ser transformado em savana e consequentemente a sua alimentação vegetariana ter sido extinta, o que a sua espécie não aguentaria por muito tempo pela demanda do seu corpo gigante exigir uma boa alimentação para a sua sobrevivência. A sua espécie foi há tanto tempo extinta que não foi possível conhecer nem informações básicas sobre ele, como a aparência da sua pelagem.

Tão Gigantes Quanto, Ou Mais…

Que os orangotango são grandes já vimos, que já existiu o maior símio de todos os tempos mas que não está mais entre nós, também. O que podemos te apresentar agora são as maiores espécies de primatas sobreviventes na natureza, em primeiro lugar vem o conhecido popularmente gorila, que pode medir até um metro e setenta e cinco de altura, o que podemos comparar com a média de altura de um homem brasileiro, mas pode pesar até bem mais que nossa média, o que para nós seria considerado obesidade mórbida, até duzentos e vinte quilos, em seguida vem o também conhecido popularmente chimpanzé, que bem mais aproximados do ser humano, pode medir até um metro e setenta de altura e pesar até sessenta quilos, o que seria uma pessoa magrinha entre nossa espécie e em seguida voltaríamos ao protagonista de hoje, os orangotangos, atrás deles também há, claro, algumas espécies, mas que deixamos como tema de um próximo post. Eles também estão presentes nos mesmos habitats que estes primatas e consequentemente em alguns casos também estão ameaçados de extinção, são os macacos menores, mas que não deixam de serem curiosos e ter as suas particularidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *