Home / Informações / Pinguim do Cabo ou Africano

Pinguim do Cabo ou Africano

Dados e Nome Científico do Pinguim do Cabo

Nome Científico: Spheniscus demersus | Ordem: Sphenisciformes | Família: Spheniscidae

Distribuição e habitat

O pinguim do cabo constroem seus ninhos na África do Sul e na Namíbia. São aves marinhas, que se alimentam próximo da costa e nidificam em ilhas perto da costa ou, menos frequentemente, na linha de costa.

Pinguim do Cabo
Pinguim do Cabo

Descrição física

Essa ave mede cerca de 70 cm de comprimento. Possui uma plumagem negra no dorso e branca no ventre, com um colar branco junto à garganta. Apresenta uma máscara facial negra, com tonalidade rosácea junto do olho. O bico e as patas têm cor preta. São muito semelhantes ao pinguim de magalhães (Spheniscus magellanicus), mas este último é maior, apresenta uma risca cinzento-clara do olho à garganta e um colar branco e negro junto à garganta. A plumagem dos juvenis é acinzentada e vai mudando com a idade. As penas são curtas, muito densas e revestidas por uma cera, características que, em conjunto, o tornam impermeável e o mantêm quente e seco.

African Penguin
African Penguin

Dieta

A sua dieta é basicamente composta por peixes pelágicos, esse tipo desloca-se à superfície das águas ou a pequena profundidade, normalmente com 5 a 12 cm de comprimento, mas até aos 30 cm de comprimento.

Comportamento

Pescam em comunidade, mergulhando até 130 metros de profundidade. Os adultos são residentes e gregários, embora os juvenis se dispersem e regressem à colónia natal na época de nidificação. A pesca pode ser feita individualmente, aos pares e por vezes em grupo e pode mesmo haver cooperação entre indivíduos na obtenção de alimento. Realiza mergulhos em grandes profundidades.

Reprodução

A espécie é ovípara, a nidificação ocorre todo o ano, com variações locais e formam colónias. O ninho é construído em tocas, debaixo de pedras ou de vegetação, de modo a ficar protegido do sol. São postos dois ovos, cuja incubação dura cerca de 38 a 40 dias. Os filhotes permanecem no ninho de 10 a 11 semanas. Podem formar-se pequenas creches com cerca de cinco aves. As crias adquirem plumagem de adulto aos 70 a 80 dias de idade. A maturidade sexual é atingida aos quatro anos de idade. É uma ave monogâmica, ou seja, forma casais para a vida toda. Ambos os progenitores incubam os ovos. Pode ocorrer mais do que uma postura no ano e podem formar-se creches de até 5 aves.

Pinguim do Cabo Reprodução
Pinguim do Cabo Reprodução

Conservação e fatores de ameaça

Esta espécie está ameaçada pela exploração pesqueira para a alimentação humana, que origina a escassez do seu alimento. Os derrames petrolíferos, a construção de portos, com a consequente destruição do habitat e perturbação dos locais de nidificação à qual são muito sensíveis e, em particular, a destruição das tocas de nidificação durante as recolhas de guano, bem como a predação dos ovos realizada, em alguns locais, pelos gatos domésticos têm constituído, também, importantes fatores de ameaça. Acrescido a esses fatores, conta-se ainda a recolha ilegal dos ovos, hoje em baixa escala, mas que era comum no século XIX e no início do século XX. Por tudo isto, já se verificou um declínio de cerca de 75% nas populações desta espécie, desde o início do século XX.

Pinguim do Cabo Conservação
Pinguim do Cabo Conservação

O desaparecimento dos pinguins africanos

Entre 2004 a 2014, o número de casais de pinguins capazes de se reproduzir caiu 90% nas colônias sul africanas, passando de cerca de 32.000 a cerca de 3.000, segundo números oficiais. O pinguim do Cabo, também é conhecido como africano ou de óculos, e tem um emite um grunhido que lembra um burro zurrando.

Presas

As principais presas dessas aves incapazes de voar, as sardinhas e as anchovas, mudaram de comportamento e tem se deslocado rumo ao sul e ao leste, longe da costa ocidental africana. Entre os pesquisadores circula algumas razões para essa mudança, a pesca predatória ou o aquecimento global.

Pinguim Africano Presas
Pinguim Africano Presas

Porém, a região que era mais favorável para a reprodução de anchovas e sardinhas acabou mudando na sequência de alterações de temperatura na superfície do mar na década de 1990 e início dos anos 2000, segundo Richard Sherley, um pesquisador da Universidade de Exeter, assim não é possível comprovar se foi o aquecimento global o responsável pela redução da população de pinguins, mas a hipótese é que desempenha um papel importante.

O Homem e a diminuição dos pinguins do Cabo

Diante da diminuição dos pinguins do cabo uma certeza existe: o homem é responsável pela sua diminuição inicial, Durante muito tempo os habitantes da costa consumiam carne de pinguim. Embora o recolhimento de ovos esteja proibido desde 1967, a atividade parece continuar. Nos anos 1920, eram contabilizados um milhão de casais na África do Sul, contra apenas 19 mil em 2012, de acordo com o ministério do Meio Ambiente. Uma das colônias mais afetadas é Robben Island, famosa ilha onde Nelson Mandela e os principais opositores ao apartheid ficaram presos.

Pinguim do Cabo e Banhistas
Pinguim do Cabo e Banhistas

A população de pinguins do Cabo caiu drasticamente também na Namíbia, passando de 12.162 casais reprodutores em 1978 a 4.563 em 2008, segundo a organização Birdlife International. Diante desse cenário, os cientistas agora vislumbram uma solução radical para tentar salvar esses animais, esta seria movê-los e estabelecer uma nova colônia na costa sul, mais perto de suas fontes de abastecimento.

Com o intuito de evitar qualquer trauma às aves, todo o possível será feito para criar a ilusão de que a nova colônia já existia, de acordo com a organização Birdlife África do Sul, idealizadora do projeto. A ação acontecerá da seguinte forma: eles gravarão os barulhos dos pássaros, colocarão chamarizes e espelhos para que os pinguins acreditem estar na companhia de muitos outros.

Pinguim do Cabo no Aquário
Pinguim do Cabo no Aquário

Curiosidades

Asas

Pinguins são muito adaptados à vida marinha. As asas atrofiadas são inúteis para voo no ar, porém na água são muito ágeis. Na terra, os pinguins usam a cauda e asas para manter o equilíbrio na postura ereta.

Coloração

Todos os pinguins possuem uma coloração que visa a camuflagem, vistos ventralmente a cor branca confunde-se com a superfície refletiva da água, visto dorsalmente a plumagem preta os torna menos visíveis na água.

Pinguins do Cabo Curiosidades
Pinguins do Cabo Curiosidades

Camada isolante

O calor corporal é mantido na água gelada antártica via uma camada isolante. O pinguim imperador, possui a maior massa corporal de todos os pinguins, o que reduz ainda mais a área relativa e a perda de calor. Eles também são capazes de controlar o fluxo de sangue para as extremidades, reduzindo a quantidade de sangue que esfria, mas evitando as extremidades de congelar. Eles frequentemente se agrupam para conservar o calor e fazem rotação de posições para que cada pinguim disponha de um tempo no centro do bolsão de calor.

Água salgada

Eles podem ingerir água salgada porque as glândulas supraorbitais filtram o excesso de sal da corrente sanguínea. O sal é excretado em um fluido concentrado pelas passagens nasais.

Fotos de Pinguim do Cabo

E aí, gostou? Compartilhe! Combinado? Saiba que todos os dias aqui no blog tem conteúdo atualizado sobre o mundo animal. Caso você queira receber artigos exclusivos no seu e-mail como este post, é só se inscrever em um campo que fica à sua direita na tela. Antes de fechar esse post, sugiro que você deixe sua opinião, sugestão ou exponha alguma dúvida logo abaixo, nós com certeza leremos todos os comentários e responderemos.

Até breve!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *